17 fevereiro, 2013

Abro a minha mente para te falar novamente de algo que já não é novidade. Tu que controlas o meu coração e todas as emoções que me provocas, tu que me proteges acima de tudo e que me conheces como ninguém, o amor da minha vida que hoje se torna no meu futuro. Imaginas o turbilhão de coisas que passam pela minha cabeça na tua ausência? Provavelmente passas pelo mesmo, afinal, somos um só, foi para isso que nos entregámos a esta relação. Vivo para ti, para nós... Que fique bem claro de todas as vezes que to repito. Sonho com as nossas promessas, pedindo com todas as minhas forças que as mesmas se tornem realidade. Que o nosso mal não sejam as palavras não serem actos, e que tudo dure o tempo suficiente para se tornar inesquecível, e que o suficiente seja para sempre!


(J)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Verdades .